Saída I

Ora, não deu tempo de nada, mas como era eu que ia viajar, seria de espantar se tivesse dado tempo de alguma coisa. Sai de Campina na quarta-feira a noite, acredito que pra mim, tenha sido quando a viagem começou. Foi a ultima vez que vi papai, não disse a ele a única coisa que queria dizer, que vou fazer por merecer o esforço dele (e de todos).

O pirado do Saulo me deu um presente que depois descobri ser ultra útil, o casaco que sua mãe lhe deu assim que comprou a moto, dissemos, não vai segurar o frio de la, esta segurando! Adoro o casaco, quando voltar eu levo!

Foram me deixar na rodoviária, Papai, Mamãe, Demetrius, Saulo e Dão, por motivos alheios acreditei que não me despediria de Demetrius, qual não foi minha surpresa quando ele entra no ônibus e me da um abraco! Como disse antes acredito que a viagem começou na quarta, e como tal, depois que vi Demetrius sair do ônibus, me deu um banzo……